O Projeto Baja SAE

Histórico

O projeto Baja SAE foi criado na Universidade da Carolina do Sul, Estados Unidos, sob a direção do Dr. John F. Stevens, sendo que a primeira competição ocorreu em 1976.
No Brasil, a competição foi realizada pela primeira vez em 1995 e desde então tem crescido gradativamente, tornando-se uma das mais importantes atividades extracurriculares para estudantes de engenharia.
 
Competem Instituições de Ensino Superior que têm seus estudantes de engenharia desafiados por meio da simulação de um caso real de desenvolvimento de projeto, com todas as atividades que envolvem o mesmo, visando a aplicação prática dos conhecimentos adquiridos em sala de aula.
 

 

 

Objetivo

O objetivo de cada equipe é projetar e construir um protótipo recreativo, fora de estrada (offroad), monoposto, robusto, visando sua comercialização ao público entusiasta e não profissional. O veículo deve ser seguro, facilmente transportável e de simples manutenção e operação. Deve ser capaz de vencer terrenos acidentados em qualquer condição climática, sempre sem apresentar danos.
 
Cada equipe compete para ter seu projeto aceito por um fabricante fictício. Para isso, alunos devem trabalhar em projetar, construir, testar, promover e competir com um veículo que respeite as regras impostas, além de conseguir suporte financeiro para o projeto. Tudo deve ser feito em respeito às prioridades acadêmicas.

 

 

Carros

Todos os carros têm o mesmo motor, um Briggs&Stratton, 4 tempos, monocilíndrico, com potência de 10HP, regulado de acordo com as normas SAE, igualando todas as equipes e restando a cada equipe desenvolver o tipo de transmissão a ser utilizada, os freios, a suspensão, a direção, entre outros dispositivos necessários ao veículo Baja.

 

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910